Seu armário e os ácaros

Os ácaros são organismos microscópicos, que podem estar em qualquer lugar dentro da sua casa e são os principais desencadeadores de alergias respiratórias.

 

Eles sobrevivem bem em colchões, tapetes, almofadas, sofás, bichos de pelúcia, roupas de cama e, além de se alimentarem de escamas de pele, adoram lugares úmidos.

 

Para se ter uma ideia, existem cerca de 48 mil espécies de ácaros descritas. Um metro quadrado  de tapete de uma residência pode conter até 100 mil ácaros.

 

Chegou a hora de começarmos a tirar, do guarda roupas, casacos, malhas, cachecóis, cobertores, enfim, uma série de roupas que estão guardadas há quase 1 ano.

 

Como os ácaros geralmente se desenvolvem em lugar escuro, úmido e sem ventilação, aí vão algumas dicas para evitar que eles se proliferem em seus armários, causando mau cheiro e fazendo mal à sua saúde.

 

É recomendável tirar as peças do armário 1 vez por mês e colocá-las ao sol por, no mínimo, 15 minutos. Antes de guardá-las, deixe-as em lugar bem ventilado por, pelo menos, 1 hora, para que ela esfrie. Aproveite para limpar o armário com água e vinagre para evitar fungos e retirar possíveis manchas de mofo. Misture 200 ml de vinagre de vinho branco em 4 litros de água e passe nas gavetas, prateleiras e laterais internas. Essa medida pode reduzir em até 84% o número de ácaros. 

 

O ideal é que seu armário tenha boa ventilação, assim será menor a chance das peças mofarem. Uma dica interessante é usar bolas de cedro dentro do armário ou gavetas, pois elas absorvem a umidade.  Você pode, também, utilizar opções caseiras, como um montinho de giz de lousa ou ainda espalhar comprimidos efervescentes (sim, aqueles contra azia e má digestão) pelo guarda roupas. 

 

Mas, se suas roupas já estiverem apresentando mau cheiro ou manchas de mofo, lave-as imediatamente. Umedeça a área afetada com água oxigenada 10 volumes e coloque para quarar ao sol. Depois lave normalmente. Se o tecido for branco ou de cor resistente, deixe um pouco de molho em água sanitária diluída. Para tecido colorido, umedeça a mancha com suco de limão e em tecido sintético ou seda, deixe de molho no leite. Recomenda-se lavar tecidos de lã e casacos em lavanderia e nunca se deve colocá-los em secadora.

 

Ao final do inverno, tenha todos esses cuidados novamente ao guardar suas roupas até o próximo ano. Peças de lã e de malha não devem ser guardadas usadas, mesmo que pareçam limpas, pois podem manchar. 

 

Please reload

R.  Cunha Gago, 379 - Pinheiros - São Paulo - SP

Tel: (11) 2667-0633